Novembro Azul: Vereadores alertam para os cuidados com a Saúde do Homem

Novembro Azul: Vereadores alertam para os cuidados com a Saúde do Homem Internet

O Novembro Azul já está marcado no calendário como período de promoção da Saúde do Homem e prevenção do câncer de próstata. Dados do Instituto Nacional do Câncer (INCA), em 2017, apontam que o câncer de próstata foi responsável por 1.554 óbitos (12,2% do total de neoplasias do sexo masculino) com uma taxa bruta de 12,99 óbitos por 100 mil homens mineiros. E para o ano de 2018, a previsão é de que haja cerca de 6.730 novos casos de câncer de próstata na população masculina de Minas Gerais, com a taxa bruta estimada de incidência de 63,80 casos novos por 100 mil homens.

Esses dados preocupam e traz a discussão para plenário da Câmara Municipal de Montes Claros sobre a importância do acesso ao atendimento adequado a população. De acordo com o médico, vereador e Presidente da Comissão de Saúde da CMMC, Doutor Marlon (PTC), a Casa Legislativa, recebeu denúncias de que os cidadãos estão com dificuldades para a marcação de exames.

“Como médico, tenho o contato direto com o usuário e percebo que a demanda de exames principais (PSA, ultrassonografia de próstata e biópsia de próstata), para se detectar o câncer de próstata na cidade, cresce a cada dia e de que é necessário que a Secretaria Municipal de Saúde estabeleça um fluxograma claro para que usuário possa ter o acesso adequado”, completa o parlamentar que diz sentir falta de uma campanha mais efetiva.

Já o vereador e médico, Dr. Valdivino (MDB), também reforçou que a população precisa ser bem informada para ter acesso ao atendimento e que a demanda não tem sido atendida com regularidade necessária.

“As pessoas têm que ter uma informação mais clara, saber para quais Unidades Básicas de Saúde (UBS) terão que se dirigir para ter um prazo menor para o resultado, afinal estamos falando de uma doença que quando detectada precocemente, tem chance de até 90% de cura. Os homens precisam ficar atentos para os sintomas da doença e, principalmente a partir dos 40 anos, quando é mais comum o surgimento da doença. Com o diagnóstico em mãos, é mais fácil para tratar a doença e salvar ainda mais vidas”, afirma o Vereador.

A referência técnica da Saúde do Homem da Secretaria Municipal de Saúde de Montes Claros (SMS), Patrícia Godoy esclareceu que o acesso do usuário continua com fluxograma normal, pela porta de entrada da Atenção Primária, ou seja, pelas UBSs, onde serão realizadas consultas e, de acordo com a necessidade, o paciente será encaminhado para o urologista (Hospital Alpheu de Quadros) e terá acesso aos exames necessários.

“Neste mês, o número de atendimentos será maior devido a campanha do Novembro Azul. Para atender a demanda, a secretaria fez parceria com laboratórios e Unimontes para realizar mutirões”, garante.

Ações

Duas ações de saúde serão realizadas em Montes Claros, nos dias no dia 29, a partir das 8h e na Escola Estadual Simeão Ribeiro, no Bairro Santa Rita; no dia 31/11, com aferição de pressão, testes de PSA e glicemia e orientações sobre o Diabetes e doenças cardiovasculares será dirigido à comunidade em geral, com a participação de cerca de 180 voluntários. Informações: (38) 3229-8164.

Assessoria de Comunicação Câmara Municipal de Montes Claros